Amor, Animais

Yann – Meu Herói

035-2

Voltando para casa numa noite chuvosa escutei um som (que lembrava um rato) vindo de um beco perto de minha casa e sai correndo com medo. Foi injustificado; o rato não sairia correndo atrás de mim para me molestar.

Alguns metros à frente, me detive ao ouvir com certa dificuldade algo arranhar uma caixa de papelão neste mesmo beco. Voltei para verificar.. com dificuldade achei um cãozinho preto que mal sabia andar tentando o impossível para não se afogar na poça que se formara na caixa. O coração falou mais alto e o peguei no colo.

A chuva não dava uma trégua e mesmo à revelia tirei a minha camisa e enrolei no bichano e fui correndo para casa completamente ensopado.

Após secar aquela bolinha de pelos, o coloquei no chão e fiquei andando pela sala, pensando que eu faria com aquele filhote. E o pior: o que a minha mãe acharia disto tudo.

Ele realmente não sabia andar, as patas traseiras se abriam e ele ficava com a barriguinha no chão. Isso sem falar os tombos que levava sozinho tentando se equilibrar ao explorar o meu apê.

Antes de ir pra cama, dei um banho no pequeno, deixando-o cheiroso pela primeira vez na vida. No meu quarto, o acomodei no chão. Dai fiquei com peso na consciência, imaginando que poderia pisar nele e matá-lo, caso acordasse no meio da noite. Duas horas depois, estávamos dormindo no chão forrando de jornais.

Os dias passaram e o meu mascote labrador foi crescendo…

Uma bela noite acordei sem saber onde Yann estava. Procurei até embaixo da cama, mas por fim o encontrei – estava dormindo em cima do meu travesseiro – que desde então se tornou sua caminha.

Em outras noites, adormeceu sobre meu peito nu, ouvia seu pequeno coração batendo e ele dormia placidamente sob meus olhares atentos.

Logo chegou a adolescência e com ela os maus modos. Yann passou a roer os sacos de lixo e espalhá-los pelo terraço, comer minhas roupas, comer plantas na rua (e as de casa também) e a correr entre os carros durante nossos passeios – ele realmente me enlouqueceu enquanto esteve em minha vida.

Jamais o esquecerei – Yann.

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s