Insetos

FormiguinhaZ

formigas-trabalhandoQuarta passada senti duas formigas passeando por minha roupa enquanto estava num táxi a caminho do trabalho. E eram dessas formigas chatas que a gente fica com pena de matar e como agradecimento elas ficam caminhando sobre seu corpo, como se você fosse a criatura mais interessante da Terra.

Delicadamente joguei as duas intrusas aos petelecos janela afora do carro. E lá fui buscar meu fone de ouvido dentro da mochila. Acabei pegando mais algumas amiguinhas daqueles insetos, provavelmente a família toda.

– Que é esse bicho ai? – indagou-me o taxista.

– Acho que são formigas! – respondi dando a entender o que era óbvio. 

Passeei com os olhos pelo assoalho do carro e dei outra resposta mais simpática. Afinal, vai que o homem cisma e nos mata embaixo da traseira de um caminhão, não é mesmo? Carioca tem um ar insano por natureza.

Peguei todos meus pertences e coloquei no banco de trás do carro. Dava umas porradas na mochila vez por outra para as formigas caírem mais ao fundo. Com o carro em movimento comecei a sacudir a mochila com o braço pro lado de fora da janela. Me entristeci assim que caiu no asfalto o motivo de tanta festa – era o meio pacote de Cookies de Granola que tinha comprado na segunda. Me arrependi de não tê-lo comido mesmo com formigas. Aquele biscoito é ótimo!

Fiquei rindo sozinho pensando nas formiguinhas caindo ao chão agarradinhas ao delicioso biscoito: Humano filho da puuuuuuuuuuuuu…” (plaft – carro passando em cima).

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s